“Memórias da Vila”: processos de alteridade, com Júnia Campos

“Memórias da vila”, obra de Guilherme Cunha e Joana Tavares já tratada neste blog, reúne retratos e relatos de vida de moradores do Aglomerado da Serra, um dos maiores complexos da América Latina. Nesta entrevista, a pesquisadora Júnia Campos, que analisou o livro em sua dissertação de mestrado no Programa de Comunicação Social da PUC Minas, discute as questões de alteridade envolvidas nesse trabalho. Para ela, “Memórias da Vila” constrói uma outra mediação para as pessoas da comunidade, dignificando vidas muitas vezes representadas de forma estigmatizada na mídia dominante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *